quinta-feira, 17 de janeiro de 2019

As armas têm tudo para virarem novo item importante de herança...

É isso, pelo preço e pelas chances de agilidade, de rapidez...

Então, você acredita que ainda procuro filmes Far West antigos, também, pelas armas, os Colt 45 e os famosos rifles Winchester... É isso, eu gosto e acho legal dar uma conferida nestes filmes, sobretudo os antigos.

Gosto de ver... Pelo menos em tese, mas daí a comprar uma arma e tentar agir como se estivesse em um bang bang antigo ou pós-moderno... Vai muita distância, infinita até.

Com certeza vai ter muita gente ‘que se acha’, e que vai se endividar para arcar com os custos, e assim poder andar com uma arma no porta-luvas do carro ou coisa que o valha.

É uma grande burrice. Primeiro pelo endividamento, depois, o que é mais grave, pode estar comprando um passaporte mais breve para o céu, entre aspas, mas, com certeza ‘para a cidade dos pés juntos’, como diz a sabedoria popular, já que uma coisa é certa. Quem vier ‘pegar o seu dinheiro’ não vai deixar que você saque e atire primeiro.

Daí teremos muita gente incluindo uma arminha pós-moderna na herança...
Viu o caso do ator do delírio... [ou do negócio multimilionário que está por trás] O bozó? Só tem força na língua, como se diz, pois na hora do vamos ver, fez nas calças e deu tudo aos assaltantes. 

Confira:
Clique na imagem para ampliar
Falamos sobre armas e os outros, os hipotéticos bandidos... Não incluímos os delírios e deslizes emocionais que aumentam as estatísticas diariamente dentro da própria família, inclusive o estímulo a acidentes com crianças. É só “dar um Google” e conferir.

Veja detalhes, aqui.

Se gostou deste post subscreva o nosso RSS Feed ou siga-nos no Twitter para acompanhar nossas atualizações

*

quarta-feira, 16 de janeiro de 2019

A ‘reforma agrária’ do bozó já está indo de vento em popa...

Bolsonaro declara guerra contra os indios!
Veja números fresquinhos da reforma agrária – ao contrário? – do bozó. Mas, você pode até observar e reclamar: Mas os índices do segundo parágrafo são de 2017, no governo temer...

É isso, factual e cronologicamente você estaria correto. Mas, é tudo a mesma coisa, o golpe que derrubou a Dilma foi o “introito”, como se diz, de um processo em que se pretende tomar conta do Brasil por um bom tempo... E você há de convir que o temer fez muito bem a parte dele.
1.   No Mato Grosso do Sul, 19 índios ficaram feridos em quatro ataques de homens armados; em Santa Catarina, uma importante liderança indígena foi espancada até a morte na primeira semana de 2019.  
2.   Segundo o Cimi (Conselho Indigenista Missionário), 110 indígenas foram vítimas de homicídio em 2017, de acordo com o relatório Violência contra os Povos Indígenas no Brasil. O governo federal tem obrigação de obedecer a Constituição, proteger essas populações e coibir a violência. 
                                                 Twitters de Eduardo Suplicy
E o menino mané escolhido para a segunda fase, que parece até mesmo ter sido feito sob encomenda, o bozó, já está a postos para dizer besteiras e distrair a turba, além de assinar as decisões dos outros... Decisões estas que em grande parte são tomadas além fronteira.
Confira: A pesquisa DataFolha aponta que seis em cada dez pessoas desaprovam diminuição de áreas destinadas a povos indigenas **
Isso com o apoio inestimável da mídia de sempre, acostumada que está em pautar a realidade através do que decide existir... Os indios estão indo em silêncio depois de 500 anos de resitência, por obra e graça de seu voto, dos delírios de um ... sei lá o que*, sob encomenda do grande capital local e externo.
*Faltam até adjetivos... 
** Quem seria esta maioria da pesquisa? Se parte votou no bozó, não sabia do propósito? Se não, deve ter sido o voto whattspp fakenews que considerou suficiente para fazer a opção, entre aspas.
 Se gostou deste post subscreva o nosso RSS Feed ou siga-nos no Twitter para acompanhar nossas atualizações

*

terça-feira, 15 de janeiro de 2019

Cuidando do voto ou que faria alguém votar no frota

O que você acha que é isso?

Não, não é a atitude do frota, que me parece bem coerente. É a do ‘seu’ eleitor...

Nesses tempos bicudos em que se destampou a ‘panela do apocalipse...’, mesmo assim, não dá pra imaginar onde este carinha encontrou argumentos ou motivos pra votar no dito cujo.

Fica difícil estabelecer os limites entre a desinformação pura e simples e a, com o perdão da palavra, imbecilidade...

Acho que se urna chorasse... Haja lágrimas.

Se gostou deste post, subscreva o nosso RSS Feed ou siga no Twitter,                                     para acompanhar as nossas atualizações

 *

segunda-feira, 14 de janeiro de 2019

Bolsonaro ‘assina’ doação – desmonte local – da Embraer

KC 390 – Cargueiro Militar com tecnologia mais avançada do mundo era produzido pela EMBRAER que agora é entregue a BOEING americana que gerará muitos empregos…nos Estados Unidos do Trump, amigo do Bolsonaro
Se você quiser saber mais detalhes sobre a doação... Ops! Desculpe-me, o negócio, clique aqui.

              Obs.: ... ‘assina’, porque é sua função primordial em ‘seu’ governo; assinar, já que as decisões são prévias, pré-eleitorais, e em grande parte decididas além-fronteiras. O jogo de cena é para dar satisfação aos internos, sobretudo os ‘devotos’, fingindo que decide, que governa.

Em tempo: Veja esta nota bem oportuna como um resultado imediato do ‘negócio’, aqui.

        Se gostou deste post, subscreva o nosso RSS Feed ou siga no Twitter,                                     para acompanhar as nossas atualizações

 *

domingo, 13 de janeiro de 2019

Hino Turco - Mozart


Marcha Turca - Mozart - Zorla Dinlenmez

*

Ainda a caneta ‘bic’ na posse. Detalhes que, ainda, funcionam...

Nada é aleatório, é claro!

Sobretudo quando se trata do supermarketing, tipo aquele, com fraude e tudo, que fez o bozó.

‘Vi’ gente emocionada com a “simplicidade” da caneta bic do bozó...

Teve gente que até viu como um ato patriótico, ao assinar com uma bic nacional, segundo ela... Mas alguém lembrou que é francesa...

A cara pode até ser interpretada como de gozação, a que fez ao mostrar a bic, ‘zero bala’, para a mídia antes de começar a assinar... Ato que ao pé da letra era até desnecessário, ou seja, mostrar pra que a ‘coisa’ funcionasse, comprova a ‘aleatoriedade e naturalidade’ do ato.

Ele só foi bem explicito, mostrando com toda ênfase, porque não confiou na cabecinha maravilhosa de seu eleitor em perceber sozinho, sem isso...

Passar a ideia de simples, de povo, ideia chinfrim que funcionou. Foi como o lance do lavar e estender roupas...

Pra começo de conversa, uma caneta, fosse qual fosse, teria pouca serventia em companhia do dito cujo, diríamos assim, já que não é lá chegado a estas coisas o que comprovam seus 30 anos de “trabalhos exaustivos” na boquinha do Congresso.

O objetivo da encenação foi o mané... O eleitor seu bem conhecido e de sua curriola marqueteira, que sabe muito bem com quem estão mexendo.

Se todos os demais presidentes, conforme ilustram imagens, assinou com a mesma caneta, ela deve ser a oficial da cerimônia, em que pese a sua aparência/marca chique.

Mas esse é o governo do bozó. Enquanto ele cria factoides ridículos e entretém seus eleitores manés ou desavisados, o Brasil escorrega pelo ralo com o concurso de mãos e cabeças próprias e adequadas para isso, e com forte sotaque estrangeiro.

Se gostou deste post, subscreva o nosso RSS Feed ou siga no Twitter,                           para acompanhar as nossas atualizações

 *

sábado, 12 de janeiro de 2019

Eu já sabia! A culpa da indicação do mourãozinho é do PT. Não acredita? Veja o que o paizinho disse

Tá tirando ‘sarro’ de sua cara, sobretudo você que votou nele
O mourão não é besta nada. Já aprendeu ‘como tirar o seu da reta’ quando a coisa ameaça apertar pro lado dele...

Já adivinhou, não?

A culpa da indicação bizarra do seu filhinho para um supercargo no BB é do PT.

Não acredita? Confira você mesmo. 
(...) O Ministério da Economia preferiu não fazer declarações diante de toda a repercussão negativa, porém, o vice-presidente Hamilton Mourão tomou as dores do seu filho e saiu em sua defesa, alegando que ele havia sido preterido nas gestões de Lula e Dilma por ser seu filho e que, só agora, estava sendo valorizado. "Em governos anteriores, honestidade e competência não eram valorizados", publicou em seu Twitter. (...).
 Veja mais:  Filho de Mourão foi preterido durante os 'anos PT'?

Pai é pai, não? Mesmo agindo assim, com a mão dos outros, ou melhor, com o dinheiro dos outros.
Se gostou deste post, subscreva o nosso RSS Feed ou siga no Twitter,                           para acompanhar as nossas atualizações
 *

sexta-feira, 11 de janeiro de 2019

'Reforma agrária' bolsonarista tem tudo a ver com bala... E já começou

É como ele mesmo disse e enfatizou mais de uma vez, desde sempre.

Veja o ‘novo’ setor oficial do ‘governo’ do dito cujo, que trata das questões de terra no país.

(...) Por medida provisória e decreto assinados pelo presidente Jair Bolsonaro, o Incra saiu da Casa Civil da Presidência, onde estava desde 2016, para o Ministério da Agricultura, comandado pela líder da bancada ruralista no Congresso Tereza Cristina (DEM-MS), onde funcionará uma Secretaria de Política Agrária comandada pelo pecuarista e líder ruralista Nabhan Garcia, um adversário do MST desde os anos 80.
 (...)

Como medida preliminar em seus esforços para resolver ou equacionar as questões agrárias pendentes tomou a sua primeira medida ‘importante’:

(...) O Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária) determinou aos seus servidores a paralisação, sem prazo, de todos os processos de aquisição, desapropriação ou outra forma de obtenção de terras para o programa nacional de reforma agrária no país. A medida atinge tambem os cerca de 1,7 mil processos para identificação de delimitação de territórios quilombolas.
(...)

Pra quem usa... É só começar a rezar...

            Obs. Embora a grande maioria dos bolsominions não tenha, mesmo, nenhuma ideia do que se trata - independente de escolaridade formal e de nivel socioeconomico - no máximo conhece alguns clichês fakes sobre o tema... Pode rezar tambem, pois pode sobrar pra todo mundo.

Pois, apesar do lado, se afundar - o barco - não tem como não ir junto.

Se gostou deste post, subscreva o nosso RSS Feed ou siga no Twitter, para acompanhar as nossas atualizações

*

quinta-feira, 10 de janeiro de 2019

Exército? Qual deles? Aquele do imaginário da população ou o quê?

Veja uma imagem do glorioso exército prendendo família de maconheiro, entre aspas, em favela com um pezinho de maconha...

O traficante mor, mesmo, aquele do helicóptero de coca preso em Vitoria, amigo do Aécio, o Gustavo Perrella, não só ficou na sua, como foi indicado à presidência da CBF à época, veja aqui, na Folha, e agora a Ministro dos Esportes no governo do Bozó, aqui, no Estadão, nem foi incomodado...
Veja: E aí, cadê os defensores da pátria? Agora obedecem às ordens 'de fora'?
Como pode ver, em que pese o histórico político nada abonador, vide golpe de 64, por exemplo, parece que as Forças Armadas, sempre ocuparam um cantinho meio condescendente senão simpático nos corações e mentes do brasileiro, mas, agora, nessa participação, entre aspas, no novo golpe, eles estão com a oportunidade de melar de uma vez por todas esta falsa imagem.
Viu o pé de maconha que tirou a liberdade da família acima? 
Então, o helicóptero dos Perrellas levava ‘só’ 450kg de cocaína
Se bem que, com certeza, eles estão se lixando para isso, o interesse pessoal fala mais alto do que hipotéticas fantasias patrióticas que possam povoar o imaginário da população.

Veja, aqui, o caso do filho do Mourão, vice do Bozó, e provável presidente de fato, o que fez com o coitadinho do seu filho, isso sem falar no belo cabide de superempregos e supersalários daqueles que se apossaram dos cargos públicos proeminentes no governo, entre aspas, do bozó.

Só estamos começando e “muita água ainda vai passar embaixo da ponte”,* como diz o ditado popular. É esperar pra ver!

*É bom lembrar que é a segunda fase... Pois o Temer já fez a dele... E bem, a avaliar pelo ângulo que se olhe... O ‘deles’ por exemplo.

Se gostou deste post subscreva o nosso RSS Feed ou siga-nos no Twitter para acompanhar nossas atualizações

*

quarta-feira, 9 de janeiro de 2019

O Ciro parece que bebeu e finalmente tirou o que lhe restava da carapuça...

O Ciro finalmente tirou o que lhe restava da carapuça ilustrada e democrática que ostentava, diríamos assim, de consideração e respeito à inteligência dos outros, de respeito ao eleitor.

Dizer que o bozó acha que o povo é burro..., que o Lula é um preso comum em Curitiba...

É difícil acreditar que alguém chegue a achar o ‘povo’ mais burro do que demonstrou na eleição do bolsonaro. É o seu jeito de conquistar as sobras deste contingente que vai escorrer pelos dedos do apoio ao governo a medida em que ele começar a fazer água...

A bem da verdade, como se diz, o jogo agora, este do Ciro, chega a ser mais sujo do que aquele do Bolsonaro, já que é explicitamente dissimulado, em que pese a contradição semântica, pois simula um tratamento respeitoso e democrático ao alvo, o que o bolsonaro não fez, só usou.

Neste caso a estratégia, diríamos assim, seria até mais honesta... (??)

Veja a frase:
“Bolsonaro supõe que o povo é burro, incapaz de saber o que é socialismo. O camarada, ao iniciar o Governo, anuncia que vai permanecer no palanque”.
Pode?

A qual povo ele se refere?

Diz, ainda, na entrevista para atestar o seu papel de ‘escolhido’: ...que invocará "o papel que a nação deu a mim".

Ele bebeu ou perdeu a noção? Provavelmente 'nação' tem outro significado naquela cabecinha dissimulada.

Nem todo mundo resiste a derrotas assim... Talvez deva buscar um terapeuta, ainda dá tempo até 2022.

Se gostou deste post subscreva o nosso RSS Feed ou siga-nos no Twitter para acompanhar nossas atualizações

*

terça-feira, 8 de janeiro de 2019

Maioria da população é contra a liberação das armas. Diz DataFolha. Até quem fez ‘arminha’ com o dito cujo?

Dê uma olhadinha abaixo nestes dados da última pesquisa DataFolha, sobre a liberação das armas no país.
(...) O percentual de brasileiros que são contrários à liberação da posse de armas de fogo aumentou, de acordo com uma pesquisa Datafolha divulgada na segunda-feira 31. No total, seis em cada dez brasileiros declararam que a posse de armas deve ser proibida, pois “representa ameaça à vida das pessoas”. 
Em outubro, 55% dos entrevistados eram contrários à posse. Agora o percentual alcança 61%. Ainda segundo o Datafolha, o percentual de pessoas que considera a posse “um direito do cidadão para se defender” diminuiu, passando de 41%, em outubro, para 37% no levantamento mais recente. 
Ainda segundo o Datafolha, homens, pessoas de maior renda e heterossexuais são mais propensos a defenderem a posse de armas. Enquanto 71% das mulheres são contra a posse, o percentual é de 51% entre os homens. Entre os entrevistados que ganham até dois salários mínimos, 32% defendem a posse. Já entre aqueles que ganham mais de dez salários, o percentual é de 54%. Já entre os gays, 77% são contra a posse de armas. Entre os heterossexuais, o índice é de 59% (...).
Como pode ver, quantos eleitores que fizeram ‘arminha’ com o seu candidato estaria entre os 61%?

É um monte de mané ou  que?

Não poderão dizer que votaram/foram enganados.

Foi um ponto onde o candidato tinha uma fixação mórbida no tema, tanto é que antes mesmo da posse já tinha declarado que liberaria as armas por decreto, ou seja, o mais rápido possível e sem correr riscos de algum eventual contratempo ‘legal’.

Ele mesmo já se borrou diante de armas de assaltantes, mesmo estando bem armado... Parece mané, mas, pelo visto, não é suicida, tanto é que se borrou todo e entregou placidamente a carteira aos caras.

E você – muito bem armado com a pistola de última geração, de 5 mil reais – o que faria diante de algum “roscofe”, com bala velha e ‘enferrujada, apontado pra você na rua?

Deixaria sua ‘pistolinha chique’ de herança ali mesmo? Ou o que?

Só pra lembrar. Sabia que o Bolsonaro já tentou trabalhar no Congresso, apresentando um Projeto de Lei que vetava porte de armas para fiscais do Ibama?

Já percebeu o porquê, não? Foi por vingancinha.

Em 2012 ele foi multado em 10 mil reais por pescar em área proibida por fiscais do Ibama. Não sem antes dar mil telefonemas - ligou até para a Ministra do Meio Ambiente do governo Dilma - para tentar se livrar da 'rebordosa', mas não conseguiu.

Como não deu certo, agora, com todo o poder, ele acaba com o Ibama, literalmente, e ainda dá um presentão aos madereiros e ao agronegócio, para ficar só nestes beneficiados, isso sem falar em decretação de morte dos índios.

Com informações de CartaCapital

Se gostou deste post subscreva o nosso RSS Feed ou siga-nos no Twitter para acompanhar nossas atualizações

*

segunda-feira, 7 de janeiro de 2019

A vitória, mesmo que fraudulenta, não diminui a fixação do bozó & cia no petismo. Veja a quantas anda

Clique na imagem para ampliar
É incrível como o ódio e a demonizarão do PT pelo ‘esquema bolsonaro’ não parou nem com a fraudulenta vitória nas urnas...

Esse povo não consegue comemorar, não consegue ser feliz com sua vitória...

Pelo andar da carruagem do que vem mostrando até aqui em seu papel fantoche de abrir a boca para falar m..., e distrair a ‘turba ignara’ que o colocou lá, vai ser difícil eliminar de uma vez por todas dos corações e mentes de tantos brasileiros a imagem do Lula.

Por suas declarações governamentais, entre aspas, de tão equivocadas e tontas – de quem não tem a mínima ideia do que andam fazendo em seu nome – que são desmentidas ou desconversadas pelos seus comandados, entre aspas, leva a crer que até deste papel ridículo ele parece que não vai dar conta...

Dê uma olhada no perfil do bolsonaro no Twitteraqui. Agora imagina ‘no dos outros’.

Se gostou deste post subscreva o nosso RSS Feed ou siga-nos no Twitter para acompanhar nossas atualizações

*

domingo, 6 de janeiro de 2019

Idiocracia bolsonarista da Damares, por mais bizarra que seja, é uma boa cortina de fumaça...

Embora os delírios inqualificáveis da ministra evangélica do bozó sejam sérios, é, efetivamente, uma cortina de fumaça para desviar a atenção, sobretudo dos manés, que não são poucos.

Já que o objetivo primordial do ‘governo’ do bozó, a alienação criminosa do patrimônio nacional e aniquilação da soberania do país, vai passar despercebida, como aconteceu com a antecipação das barbaridades do governo temer.

Não seria uma volta ao passado, simplesmente, o projeto neocolonial dos EUA, porque quando colônia ‘todo mundo’ sabia, agora é mais sofisticado, pois embora colônia efetiva, sem soberania, vai continuar com a cara de país livre e democrata, graças, também, aos serviços inestimáveis da mídia vendida usual, mentindo ou omitindo, o que dá no mesmo.

O autor do artigo abaixo, sobre os delírios da ministra, que vale à pena ler, não considera ser uma “cortina de fumaça”... Mais é!  Pois, embora os descalabros que vierem a ser feitos pela ministra sejam reversíveis, a alienação do rico patrimônio nacional, não!*

Neste sentido, as falas e ações/atitudes esdrúxulas do bozó, que, ao que tudo indica está lá ‘só’ para fazer um jogo de cena espetaculoso – como tem feito até agora – o plano efetivo de governo já está, como nos  referimos acima, em andamento desde o desgoverno temer, ou seja, o Bolsonaro não foi escolhido por acaso.

Boa parte das riquezas e do patrimônio do Brasil já escorreu pelos dedos nesta primeira fase do golpe iniciada pelo temer. Só não vê quem não quer, a informação está aí, é só sair do circuito usual via Jornais Nacionais da vida.**

    *Só pra exemplificar. Acha que dá pra ‘replantar’ a Floresta Amazônica depois do governo bozó? Reaver o pré-sal/Petrobrás que já foi em grande parte doado pelo temer e que vai ser finalizado com o bozó? (...)

    ** Escolha o tema e “dá um Google”... Pode encontrar um pouco mais de informação que pode, inclusive, ajudar a contextualizar aquilo que acaba de ‘receber’ via whatsapp como verdade...

Confira artigo a que me referi acima, aqui.

Se gostou deste post subscreva o nosso RSS Feed ou siga-nos no Twitter para acompanhar nossas atualizações

*

sábado, 5 de janeiro de 2019

A primeira medida efetiva do governo bolsonaro contra a corrupção

“Censura: Bolsonaro decreta cala-boca no COAF!Nem presidente do Conselho pode comentar o caso Queiroz!”
Se votou ligado nisso, em seu discurso anticorrupção... Pode comemorar. A coisa já começou e muito bem.

Livrar o seu...

Pelo menos esse mais gritante e escandaloso, sem margem para escamoteamento* ou armação da mídia de sempre, o do ‘Queiroz e família oficial’, não deixa de ser uma comprovação, se não de honestidade, pelo menos de esperteza... , que a depender de quem ou como olha, pode ser uma bela qualidade para um governante...

Com a palavra os adoradores – com ou sem aspas? – do mito.

Confira mais detalhes aqui.

* Andam meio esgotadas as alternativas de adjetivos e/ou vocábulos mais usuais para definir o novo universo bolsonariano.

Se gostou deste post subscreva o nosso RSS Feed ou siga-nos no Twitter para acompanhar nossas atualizações

*

sexta-feira, 4 de janeiro de 2019

Elites... O que seria isso mesmo?

Carta Maior @cartamaior  Aug 6 MoreBelluzzo:'Brasil não tem elites;tem ricos,em geral incultos,acostumados a dizer barbaridades sobre tudo.Foram responsáveis pelo impeachment'

O autor pressupõe, em certo sentido conservador e tradicional, ou coisa que o valha, um setor ou segmento de alguma forma superior, não só hierárquica e socialmente falando.

Se sociologicamente o conceito significa a minoria que detém o prestígio e o domínio sobre o grupo social, até procede, mas etimologicamente, o que há de mais valorizado e de melhor qualidade, de especial em um grupo social... Já há sérias controvérsias.

Historicamente é um grupo que gira em torno do seu próprio umbigo e que endossou todos os projetos que relativizaram ainda mais os direitos, já irrisórios,  da população como um todo, inclusive o de simplesmente existir.

E não tem nada a ver com aquele princípio teórico de que seria referência  para a sociedade como um todo, como formadores de opinião no sentido do bem comum, diríamos assim.

Ela, a local, é aquilo que diz o Belluzzo, mesmo, sem os signifiados implícitos... Logo, seu comportamento no momento histórico atual é da mais pura coerência.

Se gostou deste post subscreva o nosso RSS Feed ou siga-nos no Twitter para acompanhar nossas atualizações

*

quinta-feira, 3 de janeiro de 2019

Juramento do Mourão, pelo visto, agradou mais que o do Bolsonaro. Deve saber o que está fazendo...

Existem evidências de que o Mourão foi, efetivamente, escolhido para ser o presidente de fato, já que as perspectivas de continuidade do Bolsonaro, provavelmente em função de sua saúde, e não da facada fake, vai dar-lhe uma licença meio duradoura, digamos assim. Situação esta já prevista ‘desde sempre’.

É o que deu para inferir em meio às discussões militares, sobretudo, que precederam a sua escolha para vice.

O Mourão falou grosso mesmo durante a campanha e em varias situações o Bolsonaro o obedeceu, é obedeceu, o que, há de convir, que seria no mínimo inusitado.
Veja: Mourão fala grosso ‘de novo’ e o bozó aceita e/ou obedece
Apesar da menor exposição durante a campanha, ele goza de certa admiração, na ausência de outra expressão mais adequada, entre os eleitores do bozó, vulgo bolsominions.

É o que vai conferir nesta relação de comentários em artigo de um blog que encontrei por acaso.

No artigo o autor comentou o susto que o juramento do Mourão teria provocado na imprensa, sendo bem mais enfático e expressivo que o do próprio Bolsonaro.
 “General Hamilton Mourão é conhecido por dar força ao pedido de intervenção militar no Brasil em 2017 que chegou a 53% na pesquisas entre os intervencionistas pelo Brasil a fora quando as notícias de corrupção de Brasília se espalhou por todo o país.
A voz do vice presidente General Hamilton Mourão foi mais aplaudido que a voz do Presidente Jair Bolsonaro.(...)
Confira as reações dos leitores:
     Unknown  1 de janeiro de 2019 13:34 
É por isso que elegemos Bolsonaro e Mourão, eles nos representam.
RESPONDER  
     Geraldo Rodrigues Vilas1 de janeiro de 2019 15:45
Os dois estavam nos planos de Deus, pois são homens juntos e corajosos. Deus abençoe grandemente vocês nesta jornada!
RESPONDER  
     Unknown1 de janeiro de 2019 18:47 
Amém!  
     Unknown 1 de janeiro de 2019 16:28
Hoje foi um dia de muita emoção para todos nós patriotas, que lutamos para eleger esses homens de honra! Que a glória de Deus seja manifesta através das atitudes de vocês!
RESPONDER  
     Rafael batista1 de janeiro de 2019 17:17
Rogamos a deus abencoe esses novos representantes com intercessao do anjo ismael e a espiritualidade maior para que eles possam governar essa grande nacao tornando _a exemplo para as futuras geracoes 
RESPONDER  
     celia1 de janeiro de 2019 17:26
Que reportagem mais fraca! Não tinha nada melhor pra escrever não? Afff! 
RESPONDER  
     Rosangela Gomes 1 de janeiro de 2019 17:37
É só não lê, kkk  
     Jussy 2 de janeiro de 2019 02:09
Chupa petista  
     Unknown 2 de janeiro de 2019 03:53
A PETRALHADA e seus seguidores tem o maior medo dos militares.KKKKKKKKKKKKKKKKKKkk  
     Caçador 1 de janeiro de 2019 18:33
Pois é,n nã gostou passa reto, não leia não curta e vai pra Venezuela 🤣🤣🤣🤣 
RESPONDER  
     Unknown1 de janeiro de 2019 18:47
          Kkkkk
     Unknown 2 de janeiro de 2019 06:28
MELHOR FALAR EM TOM FORTE E GOVERNAR JUSTAMENTE SEM ROBALHEIRA DO QUE FICAR COM MIMI E DEIXAR O PAIS ARAZADO COMO OS OUTROS DELICADINHOS DEIXAR  
     Nelma Barros 1 de janeiro de 2019 21:49 
Deus os abençoe grandemente!
RESPONDER  
     Paulo Henrique Martins de Oliveira - Advogado1 de janeiro de 2019 23:38
É que militar não sabe falar, só gritar. Ridículo! Pior que isso é ter uma cambada de néscio aplaudindo.
          RESPONDER
     Anônimo 2 de janeiro de 2019 00:44 
Ten que acabar é com a 
OAB . Essa corja . . ...  
     Jussy 2 de janeiro de 2019 02:13 
Aceita que é melhor petista de 💩. Vc só entendem a linguagem da madeira mesmo. Madeira no lombo. Cambada de vagabundos.  
     Paulo Henrique Martins de Oliveira - Advogado 2 de janeiro de 2019 03:21
Pelo nível das respostas a um comentário meu, vislumbra-se o que está por vir. Basta falar mal do governo eleito para ser considerado PETISTA. Não, não sou petista. Detesto o PT, mas sim, sou de esquerda. Não comunista porque o comunismo não existe mais. Apenas tenho tendências a me preocupar mais com o próximo e, sobretudo, com o respeito às leis e aos direitos humanos.
E quem diz que tem que acabar com a OAB, querendo dizer que tem de acabar com advogados, sequer é digno de um debate, porque não conhece nada acerca de nada, muito menos de viver em sociedade regrada. 
     Anônimo 1 de janeiro de 2019 23:54 
Isso mesmo alguém tem que falar firme mesmo seja qual for o tom esse país a maioria está acostumada com mímimi estamos na geração do nao me toque, tudo tem que passar a mão na cabeça as gracinhas acabaram significa que o tom nesse país será outro. Parabéns Mourão que em parceria com o presidente eleito façam um exelente governo.
RESPONDER  
     Unknown 2 de janeiro de 2019 00:59
O povo sabe o que quer, isso foi provado de forma consecutiva nas urnas. Resta acreditar e se posicionar. 
RESPONDER 
     Anônimo 2 de janeiro de 2019 02:22
A esquerda treme com o braço da justiça, ordem e progresso!! Aqui não, petralha, nossa Patria agora terá gerência de verdade!
RESPONDER  
     Edilaine Nunes 2 de janeiro de 2019 03:39
A imprensa está assustada com voz do Mourão? imagina se ver ele falando inglês, talvez o mais perfeito do Brasil.
RESPONDER  
     Inilda 2 de janeiro de 2019 03:47
O General Mourão tem postura e como militar sua voz é firme e audível.Sinceramente, eu achei o máximo o tom com que ele fez o juramento.
RESPONDER  
     Unknown 2 de janeiro de 2019 07:24
Isso é palavra de HOMEM , chega de afeminados no poder !
RESPONDER
     Anônimo 2 de janeiro de 2019 08:26
ô Dózinha de quem se condoeu!!!...
RESPONDER  
     Márcio Police 2 de janeiro de 2019 11:38
Ficaram com medinho? Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!!!!
Como pode ver, é um Brasil, até certo ponto inédito, já que pelo menos eu nunca suspeitei que a coisa tivesse uma dimensão assim. 

Sem querer ofender ou faltar com o respeito ao direito, que deveria ser inalienável, de livre expressão, que pelo visto vai ser revogado neste governo, cito o Humberto Eco, aqui, em suas avaliações sobre a internet e as redes sociais.

Com informações de JPS Notícias 

Se gostou deste post subscreva o nosso RSS Feed ou siga-nos no Twitter para acompanhar nossas atualizações

*